PT
203923~1

Notícias

Estratégia europeia de vacinação contra a COVID-19 deve manter a unidade, cooperação e solidariedade

10 fev · 14h00

Ana Paula Zacarias, Secretária de Estado dos Assuntos Europeus na Sessão Plenária do Parlamento Europeu © European Union 2021 - Source: EP

“A estratégia europeia de vacinação tem sido um exemplo de unidade e de solidariedade”, reiterou hoje Ana Paula Zacarias no debate da sessão plenária do Parlamento Europeu, sobre o ponto de situação da estratégia da União Europeia em matéria de vacinação contra a COVID-19.

 

Em representação do Conselho da União Europeia, a Secretária de Estado dos Assuntos Europeus lembrou os “marcos extraordinários” da estratégia da UE no plano da vacinação, e sublinhou a aprovação de três vacinas contra a COVID-19 em menos de um ano e meio, e a expectativa de aprovar mais num futuro próximo, assim como a distribuição equitativa por todos os Estados-Membros, “para que os cidadãos possam ter acesso às vacinas em porções iguais”.

 

Para a Presidência Portuguesa do Conselho, as notícias relacionadas com os atrasos nas entregas, por parte de algumas empresas produtoras de vacinas, são fonte de preocupação e exigem reação: “A produção de vacinas é um processo complexo, especialmente numa escala sem precedentes. Precisamos de garantir que as empresas respeitam o contrato assinado e cumprem com os seus compromissos”. A Secretária de Estado dos Assuntos Europeus defendeu assim que os Estados-Membros precisam de saber quantas vacinas estarão disponíveis e quando, para planearem as suas campanhas de vacinação.

DOC.20210210.30639832

© Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia - Tony da Silva / Lusa

“É tempo de redobrar o nosso trabalho, sem diminuir a ambição”

O surgimento de novas variantes e a rápida propagação do vírus continuam a ser desafios que exigem medidas sérias para conter a doença e o Conselho vai continuar a trabalhar, a nível técnico e político, numa resposta articulada, garantiu Ana Paula Zacarias. Estes esforços abarcam o cenário de vacinação a nível mundial: “A solidariedade não pode parar nas fronteiras europeias." “Um acesso justo às vacinas para países mais desfavorecidos é consistente com os nossos valores e é também do nosso interesse. Nós não estaremos seguros até que toda a gente esteja segura.”

 

“A vacinação é uma ferramenta poderosa na nossa resposta a esta crise. Mas vai demorar até que a maior parte dos cidadãos europeus sejam vacinados. Temos de continuar a trabalhar juntos pelo bem comum, promovendo a distância social, usando máscaras, e tomando as medidas de proteção até que consigamos vencer este vírus. Precisamos de continuar unidos. Esse é o único caminho”, concluiu Ana Paula Zacarias.

Veja aqui a intervenção de Ana Paula Zacarias na sessão plenária © European Union 2021

Ao clicar está a concordar com as regras da plataforma de streaming. Para mais informações, consulte a nossa Nota de Privacidade.

Para visualizar o vídeo é necessário ativar a permissão acima.